• 13/05/2020

    5 coisas que você precisa saber antes de aplicar ácido hialurônico

    O ácido hialurônico é uma substância que pode ser aplicada com o intuito de obter uma pele mais hidratada, além de amenizar as rugas, linhas de expressão e flacidez, retomando e estimulando as fibras de colágeno e elastina.​


    Mas antes de realizar o procedimento, é importante tirar todas as dúvidas para que tudo ocorra como o esperado. Fiz uma lista de 5 coisas que você precisa saber antes de aplicar o ácido hialurônico, confira:​


    1 – Qual é o principal objetivo do ácido hialurônico?​
    O principal objetivo do ácido hialurônico é devolver sustentação e volume e estrutura às regiões da face que sofreram com os sinais do envelhecimento. ​


    2 - Onde posso aplicar ácido hialurônico?​
    O ácido hialurônico é comumente aplicado regiões como: lábios; bigode chinês; linhas de marionete (linhas laterais formadas entre os lábios e o queixo), na região das olheiras e nas maçãs do rotos. ​


    3 – Por quanto tempo duram os resultados?​
    O tempo de duração dos resultados do ácido hialurônico surgem em até uma semana após a aplicação e duram entre 12 a 24 meses, dependendo do local da aplicação, do organismo de cada pessoa, da quantidade de gel e da profundidade do procedimento.​


    4 - Quais cuidados prévios ao procedimento?​
    Assim como em todo procedimento estético, é importante avaliar possíveis alergias e contraindicações. O ácido hialurônico, tem  poucas chances de provocar complicações, mas se você realiza algum tratamento com ácidos em sua rotina de beleza, é recomendado interromper alguns dias antes.​

     

    5 - Quais cuidados devemos ter com a pele após a aplicação?​
    Após a aplicação, é comum o paciente apresentar leve dor, inchaço e hematoma no local, sintomas que desaparecem em até uma semana. É recomendado aplicar uma compressa fria durante 15 minutos nas primeiras 24 horas, para diminuir o desconforto. É fundamental evitar a exposição solar durante o período de recuperação, para evitar complicações como manchas e hematomas.​


    Em caso de mais dúvida, consulte sempre um médico da sua confiança, preferencialmente membro da SBCP, para esclarecer ponto a ponto e realizar o procedimento com tranquilidade e segurança. ​

    ​​